Acervo do Arquivo Catedralício Dom Alberto José Gonçalves.

O Acervo do Arquivo Catedralício pode ser consultado através do site FamilySearch, mediante cadastro do usuário, e permite visualizar online quase todos os registros de sacramentos realizados até a década de 1920, aproximadamente. 

BATIZADOS

  • Registros do século XVII até os dias de hoje.

  • Sumariamente apresentam o nome do batizado, o nome de seus pais, e o nome de seus padrinhos.

  • A data de nascimento nos registros mais antigos geralmente era mais vaga, se apresentando quase sempre como "nascido há dois meses", ou "de dois meses de idade". Datas exatas são mais raras nesses tipos de registro.

  • O nome dos avós nunca era informado.

  • A localidade exata de nascimento também não era informada. Quando aparece alguma informação do gênero, trata apenas do país de origem ("natural de Itália/Prússia/Alemanha/etc"), a menos que fosse natural do Brasil, sendo nesse caso mais comum informar a cidade de nascimento.

  • Não há documentos anexos arquivados.

CASAMENTOS

  • Registros do século XVII até os dias de hoje.

  • Sumariamente apresentam o nome do casal, o nome de seus pais, o nome das testemunhas, o Celebrante e o local da cerimônia.

  • A data do casamento é clara, contudo raramente era informada a data de nascimento dos noivos.

  • A localidade exata do nascimento dos noivos também não era informada. Quando aparece alguma informação do gênero, trata apenas do país de origem ("natural de Itália/Prússia/Alemanha/etc"), a menos que fosse natural do Brasil, sendo nesse caso mais comum informar a cidade de nascimento.

  • Há documentos anexos (Processo de Habilitação Matrimonial) arquivados apenas a partir da década de 1930. 

ÓBITOS

  • Registros do século XVII até 1941.

  • Sumariamente apresentam o nome do falecido, o nome de seus pais - se solteiro - ou o nome de seu cônjuge - se casado, a idade com que faleceu e o local do sepultamento.

  • Não há documentos anexos arquivados.

CRISMAS

  • Registros de 1904 até os dias de hoje.

  • Sumariamente apresentam o nome do crismado, seus pais, padrinho ou madrinha e o oficiante.

  • Não há documentos anexos arquivados.

  • Importante: entre 1904 e 1965, a pesquisa pode se estender por até 10 dias úteis, pois nesse período todas as Crismas eram realizadas na igreja Catedral e apenas uma vez por mês, portanto havendo até 800 registros por dia de celebração do sacramento.

Evitamos ao máximo a consulta de terceiros aos livros físicos tendo em vista sua conservação, sendo boa parte deles bastante antigos. No caso, o acesso só é dado mediante autorização expressa do Arquivista, e quando sua consulta não é possível por meios eletrônicos.

  • Facebook App Icon
  • YouTube App Icon
  • Instagram Social Icon

© 2019 por Gabriel Forgati | Proudly created with Wix.com

Catedral Basílica Nossa Senhora da Luz dos Pinhais

Rua Barão do Serro Azul, 31 - Centro

Curitiba - PR | CEP 80.020-180

catedralbasilica@mitradecuritiba.org.br | (41) 3324-5136